Roberto Blatt

Para o blog filmecoss.com

PARTE da esquerda parece gostar da ideia de golpe, parece brilhar o olho quando pensa nos anos de chumbo e a resistência heróica. Nada mais tolo, irreal, nefelibata, do que achar bonito um passado feio e violento. Não tem nada de romântico apesar da visão “anos rebeldes”.
*

Digo isso para apontar que NÃO HÁ GOLPE DE BOLSONARO NENHUM EM ANDAMENTO e chego a dizer que sequer há a intenção do crápula nesse sentido. Planejamento eu tenho certeza que é uma palavra que ele desconhece. Então esse tipo de matéria “A escalada do golpe miliciano: exército bolsonarista ocupa Brasília” (ver link abaixo), bem como o modo como parte séria da esquerda abusa dessa retórica, me parece espelhar o modo de fazer política do próprio Bozo: a pressão sobre a falsidade. A matéria não me deu NENHUM ÚNICO elemento ou fato para pensar que há um golpe a caminho e dizer isso é uma merda gigante porque, primeiro, parece elaborar (no sentido psicológico) uma das pulsões possíveis, mas por ora, meramente inconsciente, parece estimulá-la a tornar-se real e depois por não fornecer fatos concretos.


*
Ora, o grupo da familícia trabalha assim, com pressão, chantagem, revolver na cara de criança, qualquer morador de favela sabe disso. Mas, em Brasília, o grupo político de Bozo ainda está no âmbito da política: por enquanto ao menos o revólver dele é meramente simbólico, e mostra, talvez sem querer, alguns limites do presidencialismo. Essa política admite isso e não está efetivamente ilegal. O sistema político sem filtro de qualidade ofereceu essa desgraça como candidato. Eleito ilegalmente? Sim, como atestam as denúncias de caixa 2 e fake news. Mas quem diria que uma manifestação pública, e livre, é sintoma de projeto ditatorial? Não tem lógica isso.

*
Alguns aqui vão me mostrar exemplos históricos: Hitler, pré-39, Mussolini, líderes religiosos. Sim, existem, ditadores que fizeram manifestações públicas, mas NÃO PODEM ser condenados POR ISSO. Enquanto não tivermos um fato concreto tudo o que temos é provocação e tensionamento. Se cairmos na provocação é problema nosso.

*
Mas qual é o fato dessa matéria para dizer que há um golpe em curso?


*
Nenhum. Dizer que Bozo é apoiado por PM’s criminosos, milicianos, alguns militares e evangélicos fundamentalistas, ainda é parte do seu trabalho político. Por enquanto ele está fazendo política, a seu modo. Simples assim. É política burra e estúpida disseminando VÍRUS? Sim, mas ainda está dentro do direito.


*
Falar que o STF é um horror não é crime, o que vimos no golpe contra Dilma, atesta isso. O STF, com seu comportamento LAVAJATISTA (naziajato) já foi mais ditatorial do que Bozo sonhou ser em um ano e meio. Falar que o Congresso é um horror também é verdade. Bozo pode falar o que quiser, essa é uma prerrogativa da liberdade de expressão, prevista na Constituição. Claro que, se ofender alguém nisso, deve ser processado. Mas quando e somente quando configurar crime efetivo, não quando estivermos com “sensação futurológica” de que vem algo grave por aí.


*
Por enquanto não vi nada no sentido de acionar o jipe e o soldado. Se algum jornalista tiver a INFORMAÇÃO de que o soldado ligou a ignição para ir ao STF daí pode falar em escalada ou em “golpe em andamento”. Do contrário é mau jornalismo e click bait.


*
P.s.: a matéria fala em “exército miliciano”. Se for só isso, essa mísera manifestação, a gente manda um jipe também que resolve. O buraco é mais embaixo, o problema está na capilarização política, deputados do centrão, não só os do Congresso, mas todas as corjas de baixo clero de norte a sul do Brasil, no interesse do judiciário e da mídia no programa econômico Bozo-Guedes. É o braço civil do golpe que é o problema e ele faz trabalho LEGÍTIMO de convencimento da base, e, até agora, fora as milícias, me parece discurso persuasivo dentro da lei. Convence burro? Sim, mas isso é outra história
*

Link da matéria a que me refiro, do Ricardo Kotscho:
A escalada do golpe miliciano: exército bolsonarista ocupa Brasília

Sobre o Autor

Não sou cineasta, mas gosto de criticar o trabalho dos outros rsrsrs

Visualizar Artigos